Carregando...
JusBrasil - Notícias
21 de agosto de 2014

Centro de Ressocialização de Cuiabá encerra ano letivo

Publicado por Governo do Estado do Mato Grosso (extraído pelo JusBrasil) - 5 anos atrás

LEIAM 1 NÃO LEIAM

Ednilson Aguiar/Secom-MT Inauguração das novas salas de aula do CRC no Centro de Ressocialização de Cuiabá, antigo Carumbé Agora sei ler e escrever, afirma E.S.S., reeducando do Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC) durante a cerimônia de encerramento do ano letivo na unidade nesta sexta-feira (05.12). Aos 29 anos, o aluno da classe de alfabetização se sente orgulhoso e motivado a continuar seus estudos. Estou cumprindo pena há um bom tempo e em breve serei solto. Quando sair daqui quero continuar minhas aulas e também vou procurar emprego, disse.

E.S.S elogiou o trabalho da Coordenadoria de Ensino Penitenciário da Secretaria de Justiça e Segurança Pública (Sejusp). Quando entrei no Centro de Ressocialização, há vários anos, não tínhamos as oportunidades que nos oferecem hoje. Agora eu tenho uma chance que não tive antes de entrar aqui, comentou.

Este é o objetivo do processo educacional dentro das unidades prisionais, segundo a coordenadora de ensino do CRC, a professora Alvair Maria Ferreira. Para ela a educação é transformadora até mesmo dentro do sistema prisional. Descartar a importância da educação para a ressocialização do apenado é negar a dignidade do ser humano.

Alvair destacou os resultados positivos alcançados em 2008. Terminamos o ano letivo com 411 alunos matriculados nos cursos de alfabetização, Educação de Jovens e Adultos de 1ª a 4ª e 5ª a 8ª séries, e Ensino Médio e Sup (EJA) erior. Conseguimos este ano a aprovação de 70% dos alunos, avaliou.

Alvair destaca que o contexto educacional dentro das unidades é diferente do que a sociedade está acostumada. Precisamos trabalhar com as diferenças e termos flexibilidade no que diz respeito a horários, nos adaptando às condições do CRC. Outra questão que encontramos é a movimentação dos reeducandos. Vários alunos nossos recebem o alvará de soltura ou são transferidos para outras unidades antes de concluírem o curso, comentou.

COMEMORAÇAO - O clima durante a festa de encerramento foi de muita emoção. A coordenadora de ensino do CRC iniciou o evento, que também contou com a participação de representantes da Secretaria Municipal de Educação uma das parceiras do CRC e vários professores da unidade. Durante a cerimônia, os alunos assistiram a apresentação de corais evangélicos, além do coro de flautas composto pelos próprios reeducandos do Centro de Ressocialização.

O diretor do CRC, Dilton Matos de Freitas, esteve presente no evento e ressaltou a importância da educação em prisões. A educação é a mola mestra da ressocialização. É um dos pilares para a construção de uma nova chance ao apenado, concluiu.

EDUCAÇAO - Mato Grosso conta hoje com uma ampla rede de ensino em vários estabelecimentos prisionais, como a Penitenciária de Água Boa, o Presídio Feminino Ana Maria do Couto May, Centro de Ressocialização de Cuiabá, Penitenciária Central do Estado, Cadeia Pública do Capão Grande, Presídio Agrícola das Palmeiras, Cadeia Pública de Rondonópolis, Penitenciária da Mata Grande, Penitenciária Ferrugem, em Sinop, Cadeia Pública de Mirassol D'Oeste, Cadeia Pública de Juína, e Cadeia Pública de Cáceres.

Ao todo, são 2.135 alunos reeducandos matriculados em cursos de alfabetização, Educação de Jovens e Adultos (EJA) de 1ª a 4ª e de 5ª a 8ª séries, além de Ensino Médio e Superior, em 31 salas de aula em todo o estado.

0 Comentário

Faça um comentário construtivo abaixo e ganhe votos da comunidade!

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "gritar" ;)

ou

×
Disponível em: http://governo-mt.jusbrasil.com.br/noticias/340673/centro-de-ressocializacao-de-cuiaba-encerra-ano-letivo